Dicas de Viagem

Mochilão para a Europa: 5 dicas para garantir dias incríveis

mochilão para a Europa

Pensando em embarcar em uma aventura de mochilão para a Europa? Esse é o desejo comum de muitos viajantes, especialmente devido à vasta gama de destinos que o continente oferece. Além disso, estar em um país europeu permite explorar facilmente os países vizinhos em pouco tempo.

Mochilão para a Europa: por onde começar?

Levando em conta a vastidão geográfica e cultural do Velho Mundo, o mochilão para a Europa requer que a elaboração do itinerário seja ainda mais minuciosa. E algumas perguntas básicas precisam ser feitas.  Você idealizou sua exploração pelo continente como uma escapada de curto prazo ou uma jornada prolongada? Com um orçamento generoso ou apenas o mínimo necessário?

Dicas para planejar um mochilão para a Europa

1. Revise bem seu itinerário

É importante ponderar se é viável incluir todos os destinos na mesma jornada. Às vezes, é mais sensato abrir mão de algumas paradas e reduzir a quantidade de cidades e países na sua aventura pela Europa.

É sempre proveitoso reservar tempo para absorver completamente cada local que visitar. No entanto, após explorar todo o continente europeu, você certamente sentirá o desejo de retornar muitas vezes.

2. Prepare-se com antecedência

Após definir o itinerário, é recomendável criar uma lista de verificação com todos os detalhes a serem organizados para a viagem, desde os documentos essenciais até o tipo de vestuário. Essa lista ajudará a garantir que nada seja esquecido.

Além disso, a antecedência na preparação pode ser determinante para conseguir passagens aéreas a preços mais acessíveis, bem como para selecionar acomodações e reservar passeios e excursões.

3. Documentos necessários

Viajar pela Europa oferece uma vantagem significativa: a dispensa de visto prévio para a maioria dos países, o que simplifica consideravelmente a parte burocrática durante os preparativos. No entanto, vale manter atenção redobrada quando o assunto são as documentações.

O primeiro passo é garantir que seu passaporte esteja em ordem. Se você ainda não o possui, é recomendável providenciar o documento logo no início do planejamento da viagem.

É importante estar preparado e levar consigo cartas de recomendação do seu empregador, declarações da instituição de ensino e extratos bancários, documentos que evidenciem sua estabilidade financeira e residência fixa no país. Esses documentos devem estar preferencialmente em inglês.

4. Escolha o meio de transporte

Com uma extensa rede ferroviária, a Europa pode proporcionar uma jornada repleta de elegância e comodidade. Entretanto, dependendo da disponibilidade de tempo para a viagem, essa pode não ser a escolha mais adequada. Por exemplo, para viagens com duração superior a seis horas, a opção mais indicada é o avião.

Dessa maneira, é possível economizar tempo e, em muitos casos, obter uma significativa economia financeira. Isso ocorre porque, em diversas situações, os trens não são a alternativa mais econômica de transporte. Uma sugestão para garantir as melhores tarifas é adquirir os bilhetes com antecedência. Na Europa, existem as companhias aéreas de baixo custo, que disponibilizam passagens com preços realmente acessíveis.

5. Arrumando a mala

Outro aspecto a ser levado em conta na preparação da viagem é o planejamento da bagagem. Tudo começa com duas informações essenciais – a duração prevista do mochilão pela Europa e a época do ano em que ocorrerá.

Ter essas respostas é fundamental para determinar o tamanho e a quantidade de itens a serem levados. Por exemplo, para uma viagem de um mês, não é necessário levar muitas peças, mas para três meses, é aconselhável levar um pouco mais.

Sugestão de roteiro para mochilão na Europa

De fato, o sistema de transporte é altamente eficiente, oferecendo opções de trem, ônibus e avião para todas as regiões. No entanto, planejar um itinerário lógico garantirá uma viagem mais eficaz. Um exemplo clássico de mochilão abrange Inglaterra, França e Itália.

A estratégia mais eficiente é começar pela Inglaterra e terminar na Itália, pois isso minimizará o tempo gasto em deslocamentos. Além disso, uma parte do percurso, de Londres a Paris, é servida por um trem de alta velocidade — o Eurostar — que proporciona eficiência e rapidez no transporte.

Invista em seguro viagem para ter zero de estresse

Embora esperemos que nada de indesejado aconteça, infelizmente imprevistos podem surgir. E sem um plano internacional de seguro viagem, esses contratempos podem se tornar ainda mais problemáticos. A GTA – Global Travel Assistance oferece excelentes opções a preços acessíveis!

Não se esqueça de deixar seu comentário e registrar sua opinião e sugestão sobre qual outro tema gostaria de ver aqui no blog.

Acompanhe também nossas páginas no Facebook, Instagram e YouTube para ficar por dentro de mais conteúdos ligados ao turismo e seguro viagem.

Até o próximo blog post!

Post anterior
Student full Europa
Próximo post
Student full EUA e Canadá
IMPRENSA
OUTROS ARTIGOS