Dicas de Viagem

Entre livros e idiomas, não se esqueça do seguro viagem

Entre livros e idiomas

Estudar fora do país é o sonho de muitos jovens. Além de dar um upgrade na formação escolar e profissional, o intercâmbio possibilita o aprendizado de um idioma e a convivência com novas culturas e pessoas. Mas entre aulas e livros, um colega deve ser inseparável – o seguro viagem.

Para quem deseja investir nessa jornada, o Canadá lidera o ranking dos destinos mais procurados, de acordo com a pesquisa de mercado Selo Belta 2022. Estados Unidos e Reino Unido ocupam a segunda e terceira colocação, respectivamente. Portugal, Espanha e Itália também são opções bastante escolhidas pelos estudantes.

Seguro viagem específico para intercâmbio

Uma vez escolhido o país, tão importante como qualquer outra documentação está a escolha de um plano de seguro específico para intercâmbios, principalmente em função da cobertura de gastos médicos.

Afinal, o investimento para esse tipo de estudo é alto e o tempo de permanência também costuma ser longo. A última coisa que se quer é arruinar esse planejamento com despesas hospitalares ou com remédios estando do outro lado do mundo, não é mesmo?

Basta ponderar que, nos casos de intercâmbio com duração de seis meses ou um ano, aumentam as chances de algum problema de saúde, seja uma lesão, doença ou até hospitalização. E no Exterior, é quase certo que o atendimento será direcionado para uma rede particular.

Outro ponto importante a considerar é que, muitas vezes, os programas de intercâmbio oferecem planos de seguro viagem embutidos no pacote. Porém, é preciso analisar se as coberturas compensam financeiramente.

Seguro para todos os tipos de intercâmbio

A GTA conta com 16 modalidades de seguro para estudantes. Os preços saem a partir de US$ 88 para viagens de até 30 dias (Student Bronze AL) e coberturas que variam de US$ 12 mil (Student Bronze AL) a US$ 330 mil (para os planos Planet).

As coberturas incluem:

  • Despesas médicas, hospitalares
  • Despesas odontológicas
  • Despesas farmacêuticas
  • Traslado médico
  • Despesas jurídicas
  • Fiança e despesas legais
  • Interrupção de viagem
  • Danos à mala
  • Atraso de bagagem
  • Perda de bagagem em viagem
  • Cancelamento de viagem Plus Reason
  • Regresso sanitário
  • Traslado de corpo
  • Acompanhante em caso de hospitalização prolongada
  • Prorrogação de estadia
  • Retorno antecipado do segurado
  • Atraso de voo
  • Morte acidental em viagem
  • Invalidez permanente total ou parcial por acidente em viagem

E lembre-se de incluir as coberturas adicionais para a Covid-19. De transtorno a gente quer distância.

Não se esqueça de deixar seu comentário e registrar sua opinião e sugestão sobre qual outro tema gostaria de ver aqui no blog.

Acompanhe também nossas páginas no Facebook, Instagram e YouTube para ficar por dentro de mais conteúdos ligados ao turismo e seguro viagem.

Até o próximo blog post!

Post anterior
De malas prontas na gravidez? Não se esqueça do seguro
Próximo post
Sofreu um acidente na viagem? Saiba como acionar o traslado médico
IMPRENSA
OUTROS ARTIGOS